Voos de Salvador para Buenos Aires serão retomados via Aeroparque

Boeing 737-800 – Imagem: aeroprints.com / CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Dando sequência à recuperação contínua de voos, o Salvador Bahia Airport – integrante da rede da concessionária VINCI Airports – estará conectado novamente a Buenos Aires, na Argentina, a partir do dia 1º de janeiro.

A Aerolíneas Argentinas voará de novo da capital baiana às terças, quintas e sábados diretamente para o aeroporto Aeroparque, hub doméstico da companhia aérea. Essa nova rota é mais conveniente para os passageiros, pois o Aeroparque está localizado no centro da capital argentina, próximo a diversos pontos turísticos como o Obelisco (8 km de distância), Recoleta (7 km) e Rua Florida (8 km).  

O ingresso no país está liberado para turistas brasileiros e residentes no Brasil que apresentem teste PCR de Covid-19 negativo realizado há 72 horas antes do embarque, vacinação completa (duas doses) há pelo menos 14 dias e seguro de saúde internacional com cobertura para Covid-19. Mais informações estão disponíveis no site do consulado argentino: https://crioj.cancilleria.gob.ar/

“A VINCI Airports tem expertise mundial em desenvolvimento de tráfego aéreo, crucial para esse momento de reabertura de fronteiras e reaquecimento do turismo, tanto externo quanto interno. A Bahia é um dos destinos favoritos dos argentinos, e retomar este roteiro nos deixa muito orgulhosos. Estamos empolgados com o retorno progressivo das rotas com a flexibilização das fronteiras graças ao controle da pandemia”, afirma Marcus Campos, gerente de marketing e negócios aéreos do Salvador Bahia Airport.

Conexão Brasil-Portugal em Salvador

Também em janeiro, a TAP — que manteve operações regulares durante a pandemia — acrescenta mais uma frequência, passando a voar quatro vezes por semana entre Salvador e Lisboa. Ambas as cidades possuem aeroportos que integram a rede VINCI Airports.

Informações da VINCI Airports

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias