Início Aviação Militar

Aeronaves do Ciopaer fazem três transportes aeromédicos simultâneos em um dia

Imagem: Governo do Ceará

O Governo do Ceará informou que aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) realizaram, no último domingo (20), três transportes aeromédicos simultâneos em cidades diferentes do Estado do Ceará. As bases da coordenadoria, localizadas no interior, auxiliam na rapidez dos atendimentos e nos deslocamentos de pacientes de alta complexidade.

O primeiro acionamento ocorreu em Crateús, município pertencente à Área Integrada de Segurança 16 (AIS 16) do Ceará. Uma criança de cinco meses, com insuficiência respiratória, foi transportada pela aeronave Fênix 11 até Sobral.

Durante o transporte, ela permaneceu estável e o percurso ocorreu sem intercorrências. O voo teve duração de 56 minutos. O citado helicóptero de modelo EC 130B4 da Airbus France foi apreendido durante investigações de combate ao crime organizado e passou a ser utilizado pelas Forças de Segurança do Ceará.

O segundo acionamento foi registrado no Cariri. Na ocasião, uma mulher de 33 anos, vítima de um acidente de trânsito na cidade de Nova Olinda (AIS 19), foi levada pela Fênix 07 até uma unidade hospitalar em Juazeiro do Norte. O voo entre as cidades teve duração aproximada de 36 minutos.

Já o terceiro resgate ocorreu na Região Norte. A Fênix 02 foi acionada, da base de Fortaleza, para realizar o atendimento de uma idosa, de 80 anos, que havia sofrido um infarto agudo do miocárdio (IAM), em Uruburetama. Diante disso, um helicóptero com Unidade de Terapia Intensiva (UTI) embarcada foi utilizado para realizar o transporte da mulher. A duração do voo entre os municípios foi de 48 minutos.

As aeronaves da Ciopaer são dotadas de UTI aérea e atuam com médico e enfermeiro a bordo. O transporte aéreo é utilizado para reduzir o tempo de deslocamento entre as cidades por vias terrestres e agilizar a prestação de socorro aos pacientes mais debilitados.

Informações do Governo do Ceará

Leia mais: