Cidades do Nordeste terão voos com Airbus A340 repleto de portugueses ávidos pelas praias

No final deste ano, por ocasião da alta temporada de verão, as cidades de Maceió, Fortaleza, Salvador e Recife receberão voos fretados da empresa portuguesa Hi Fly trazendo ao Brasil um grupo de portugueses ávidos pelo sol e as belas praias. A operação, que acontece entre o Natal e o Réveillon.

Os serviços, que passaram a constar do registro de voos autorizados, serão realizados a bordo de uma aeronave Airbus A340-300 para 267 passageiros. Como trata-se de um avião antigo e menos eficiente, se comparada com os jatos mais modernos, o modelo tem sido cada vez mais raro de ser visto nos céus mundo afora.

A programação atualmente esperada está abaixo. Serão três voos de ida e o mesmo número de retornos. Nos voos com escala, haverá grupos que desembarcarão nas duas cidades, segundo indica o pacote vendido por uma agência portuguesa.

Os voos são

26 DE DEZEMBRO – Proveniente da cidade do Porto, o voo HFY-611 pousa em Salvador às 16h55. O retorno para Portugal acontece na madrugada seguinte.

26 DE DEZEMBRO – Proveniente de Lisboa, o voo HFY-2022 pousa primeiro em Maceió às 16h20 e decola às 17h50 para Fortaleza, onde pousa às 19h15. Algumas horas depois, parte de volta ao seu país.

27 DE DEZEMBRO – Proveniente do Porto, o voo HFY-623 aterrissa primeiro em Maceió às 16h20 e parte às 18h20 para Recife, onde pousa às 19h25. Horas depois, retorna a Portugal.

2 DE JANEIRO – Proveniente da cidade de Lisboa, o voo HFY-611 pousa em Salvador às 16h55. O retorno para Portugal acontece na madrugada seguinte.

2 DE JANEIRO – Proveniente de Lisboa, o voo HFY-2023 pousa primeiro em Fortaleza às 15h55 e decola às 18h25 para Maceió onde pousa às 19h55 . Algumas horas depois, parte de volta ao seu país.

3 DE JANEIRO – Proveniente de Lisboa, o voo HFY-623 aterrissa primeiro em Recife às 16h05 e parte às 18h05 para Maceió, onde pousa às 19h00. Horas depois, retorna a Portugal.

Voos fretados europeus com destino ao Brasil são muito comuns na alta temporada de verão. Apesar da crise na Europa, com inflação alta e perspectiva de recessão, espera-se que outros voos como esses sejam confirmados em breve.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Pilotando, mulheres militares comemoram 41 anos na aviação da segurança pública...

0
A cada voo, a primeira piloto da Polícia Militar e do Graesp lembra de como chegou ao posto e sente que cumpre um chamado especial.