Primeira conversão do Boeing 767 na Europa tem cerimônia festiva na Sérvia

A Avia Prime Group, uma das organizações líderes em manutenção de aeronaves na Europa, composta por três empresas, incluindo a JAT Tehnika, organizou uma cerimônia para marcar a conversão do Boeing 767-300, que é feita pela primeira vez na Europa.

A cerimônia foi realizada no hangar número dois da JAT Tehnika em Belgrado, na Sérvia, uma das maiores instalações do gênero no sudeste da Europa, onde é realizada a conversão desta aeronave de fuselagem larga, em cooperação com as Indústrias Aeroespaciais de Israel (IAI).

Durante a cerimônia, representantes da Avia Prime, IAI, Challenge Air, bem como os embaixadores de Israel, Polônia e República Tcheca na Sérvia, “cortaram” simbolicamente a fuselagem do avião, após o que a seção da fuselagem foi removida com um guindaste de aço revelando a abertura para a nova porta de carga.

Em discurso, o diretor executivo do Grupo Avia Prime, Piotr Kaczor, dirigiu-se aos convidados afirmando que “com este importante passo e progresso, o grupo Avia Prime entrou com sucesso no mercado de conversão de aeronaves widebody, que marcou o início de um novo era para o grupo“.

Este local de conversão tem uma enorme capacidade, uma vez que se encontra no centro das rotas aéreas da Europa para o Oriente Médio, para prestar um serviço adequado no setor das cargas a preços competitivos às companhias aéreas interessadas, e assim contribuir para o desenvolvimento deste segmento do indústria da aviação na Sérvia e na região.

A JAT Tehnika remonta à década de 1920. Atualmente, a empresa emprega mais de 600 pessoas. Possui um galpão de mais de 30.000 m2 com 9 linhas de produção.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

KlasJet lança serviço de aluguel ACMI com 8 aviões 737-800 e...

0
Até o final de 2023, a empresa planeja ampliar as operações com um total de 15 aeronaves do tipo Boeing 737-800.