Werner Aero adquire outra aeronave Embraer E175-E1 apenas para cortá-la em pedaços

A Werner Aero anunciou a aquisição de mais uma aeronave Embraer E175-E1 (msn 17000358), de apenas nove anos de idade e operada pela última vez pela Flybe Airlines, no Reino Unido. No entanto, a aquisição da máquina não prevê seu uso em voos, mas sim como fonte de peças de reposição.

Com isso, espera-se que a aeronave entre em processo de desmontagem nas instalações do e-Cube no Reino Unido e as peças sobressalentes sejam usadas para aprimorar o pool da Werner, em seu negócio de peças de reposição a outros jatos voando pelo mundo.

A Werner Aero compra e desmonta aeronaves, pois uma de suas linhas de negócio visa ao gerenciamento de ativos e soluções logísticas para companhias aéreas em todo o mundo. Isso inclui desde o fornecimento de motores a jato, pool de peças de reposição e gerenciamento de reparos. Werner é uma empresa ISO 9001 e um fornecedor aprovado pela FAA.

“Estamos entusiasmados em adicionar outra aeronave ao nosso pool de peças de E-Jets. Esta é a nossa segunda aquisição do E-175 no mês passado, aumentando nossa operação e nosso crescimento contínuo nas plataformas E-170 e E-190. Essas aquisições nos colocam em uma posição forte como um dos maiores fornecedores mundiais de peças de E-Jet, APUs e trens de pouso”, disse Mike Cazaz, CEO da Werner Aero.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Aeroporto de Cascavel faz buracos na cerca para fotógrafos registrarem pousos...

0
Desde novembro a gestão do espaço instalou buracos na cerca operacional do aeroporto que estão reservados e sinalizados para aos fotógrafos.