Breeze Airways, de David Neeleman, recebe sinal verde para operar voos regulares

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Foto Breeze Airways

O Departamento de Transporte dos EUA emitiu uma ordem final nesta quarta-feira (10), permitindo que a nova companhia aérea Breeze Airways, fundada pelo brasileiro-americano David Neeleman, comece a operar. Breeze marca a quinta empresa aérea de Neeleman, talvez mais conhecido por ter fundado a JetBlue e a Azul.

A ordem abre caminho para que a empresa opere até 22 aeronaves em viagens domésticas a partir de sua base em Salt Lake City. Neeleman prometeu que a empresa será “a companhia aérea mais agradável do mundo”. A empresa já recebeu seu primeiro de 15 Embraer E190 e um par de E195 subarrendados da Azul. Um acordo com a Airbus prevê a primeira entrega de um pedido de 60 Airbus A220-300 em agosto.

A companhia aérea espera que suas operações programadas iniciais conectem a Costa do Atlântico, o sul dos Estados Unidos, o Texas e o meio-oeste. A companhia aérea fará manutenção de linha em suas instalações em Islip, Nova York, e tem um contrato com a Embraer em Nashville, Tennessee, para manutenção pesada. A companhia iniciou o treinamento de manutenção e despachantes em setembro passado.

Planejando originalmente lançar o serviço para pares de cidades de médio porte, a Breeze atrasou o lançamento até meados de 2021 devido à Covid-19.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Impacto de B737 com a pista é classificado como acidente de...

0
Uma investigação foi aberta e os gravadores de dados de voo do Boeing 737 foram recolhidos para obtenção dos registros.