O Antonov An-225 será finalizado em memória dos pilotos mortos na guerra, afirma Zelensky

A fuselagem do segundo AN-225, parada desde a década de 1990

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, fez coro às intenções de construir outra aeronave Antonov AN-225 Mriya, dedicando este projeto à memória dos pilotos que morreram na guerra e, em particular, durante a defesa da cidade de Mariupol.

Segundo a Interfax Ukraine, durante uma reunião online com estudantes ucranianos na última quinta-feira (19), ele lembrou que houve uma vez a ideia de concluir a segunda cópia da aeronave única, destruída no início da guerra.

“Queríamos construí-lo, precisávamos de US$ 800 milhões. Apelei ao presidente da Turquia com uma proposta para construir o segundo Mriya, mas não encontramos o dinheiro”, disse ele.

“Mas neste caso, não é uma questão de dinheiro, é uma questão de ambição. Fomos abordados pela Ukroboronprom, a equipe Antonov. Esta é uma questão da imagem do nosso país e de todos os excelentes pilotos profissionais que morreram nesta guerra”, disse o presidente.

Ele disse que os pilotos morreram heroicamente: “O quanto eles fizeram, e hoje já podemos dizer quantas vidas de pessoas que permaneceram em Mariupol, especialmente em Azovstal, eles salvaram… Quantos pilotos deram suas vidas para garantir tudo por lá, de armas a água. E quantos feridos que eles tiraram de lá. Um grande número dessas pessoas morreu heroicamente”.

“Construir um Mriya em prol da memória dos heróis é a posição correta do estado”, concluiu Zelensky.

Maior aeronave de transporte do mundo, o AN-225 foi destruído durante as batalhas pelo aeroporto Gostomel no final de fevereiro de 2022.

O An-225 Mriya é um gigante da aviação, que detém recordes de transporte de carga comercial máxima e a carga única mais longa e pesada da história da aviação, entre muitos outros.

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias