Veja quantas pessoas cada empresa aérea transportou no Brasil em setembro

Imagem: Inframerica

Trazemos hoje a você, leitor do AEROIN, mais uma atualização mensal do mercado brasileiro de transporte aéreo de passageiros, com base nos registros da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para o mês de setembro de 2021.

Segundo estes mais recentes dados, a sequência de agosto das três maiores empresas aéreas de voos domésticos do Brasil se repetiu em setembro, com Azul liderando, seguida de perto pela Latam e com a Gol um pouco mais atrás. Veja a seguir os detalhes, divididos entre o mercado das rotas domésticas e o das rotas internacionais.

Mercado doméstico

Conforme você poderá ver nos rankings completos abaixo, a Azul totalizou 2,101 milhões de passageiros entre embarques e desembarques domésticos ao longo do mês de setembro, o que significa uma estabilidade mensal, com variação de menos de 1% sobre os 2,082 milhões de agosto.

Em relação a setembro de 2019, o valor era de 2,267 milhões naquele ano, portanto, o total atual representa 92,7% de recuperação sobre o pré-Covid.

Por sua vez, a Latam passou de 1,827 milhão em agosto para 2,051 milhões em setembro no transporte doméstico do Brasil, o que significa um bom aumento mensal de 12,3%, aproximando-se bastante da Azul.

Em setembro de 2019, a companhia havia movimentado 2,659 milhões, portanto, sua recuperação doméstica é de 77,1%.

Por fim, a Gol totalizou 1,646 milhão de embarques e desembarques domésticos em setembro, um crescimento de 6,5% sobre os 1,546 milhões de agosto.

A companhia, no entanto, é atualmente a mais impactada em relação a 2019, já que havia transportado 2,821 milhões em setembro daquele ano, o que significa uma recuperação de apenas 54,8%.

As demais companhias aéreas que transportaram passageiros no mercado doméstico brasileiro podem ser vistas nas listas completas a seguir, com os dados de setembro de 2021 e de setembro de 2019. (Nota: a Itapemirim Transportes Aéreos não consta na lista por não ter apresentado seus dados à ANAC, tendo inclusive sido autuada pela Agência por esse motivo).

Setembro/2021 – Passageiros Domésticos

Setembro/2019 – Passageiros Domésticos

Mercado internacional

No transporte de passageiros em rotas internacionais de/para o Brasil, o cenário muda bastante, com a Latam liderando com vantagem sobre a Azul, porém, outras companhias aéreas estrangeiras é que estão na ponta do ranking.

A TAP Air Portugal foi a maior transportadora de viajantes internacionais de nosso país, tendo registrado cerca de 62 mil pessoas entre embarques e desembarques em setembro. No mês anterior, ela também havia liderado, com 52,9 mil passageiros, tendo, portanto, crescido 17,2%.

Em 2019, a TAP era a terceira, com 166 mil, atrás de Latam e Gol. A recuperação atual da portuguesa é de 37,3% do movimento pré-Covid.

A segunda posição ficou com a panamenha Copa Airlines, com 53 mil passageiros de/para o Brasil em setembro, um aumento de 4,1% sobre os 51,5 mil de agosto.

Em 2019, a empresa figurava apenas na 7ª posição, com 81,7 mil, portanto sua retomada é mais significativa, com 65,7%.

Na terceira posição finalmente aparece a Latam. Com 47,4 mil passageiros internacionais de/para o Brasil, a empresa evoluiu 11,8% em relação aos 42,4 mil viajantes que transportou em agosto.

Antes da Covid-19, a Latam liderava o segmento internacional brasileiro com 417,8 mil passageiros em setembro de 2019, portanto, sua recuperação é de apenas 11,3%.

A Gol, que em setembro de 2019 era a segunda maior, com 175 mil pessoas transportadas de/para o Brasil, ainda não retomou voos regulares internacionais.

A Azul, que ocupava a quarta colocação antes da Covid, com 100 mil passageiros internacionais, ficou na nona posição em setembro de 2021, com 16,6 mil pessoas. O valor representa uma queda mensal de 12,7% sobre os 19,1 mil passageiros de agosto. A recuperação da companhia é de 16,6% sobre setembro de 2019.

Abaixo, veja a sequência das 30 maiores empresas aéreas em movimento de passageiros de/para o Brasil, tanto em setembro de 2021 quanto em setembro de 2019.

Setembro/2021 – Passageiros Internacionais

Setembro/2019 – Passageiros Internacionais

Com informações da Agência Nacional de Aviação Civil

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Um dos poucos Boeing 747-400M do mundo muda de casa e...

0
A Air Atlanta Icelandic adicionou à frota o seu primeiro jumbo cargueiro combinado B747-400(M), que pode levar passageiros